START Esposende muito procurada por Nómadas Digitais

START Esposende muito procurada por Nómadas Digitais

- emLocal, Notícias
255
0

A incubadora de empresas “START Esposende”, tem registado, nos últimos meses, a procura por parte de vários trabalhadores remotos nacionais e estrangeiros, que em período de férias, não abdicam do acesso a uma série de serviços que lhes permite manter o contacto com a atividade profissional.

Durante o mês de agosto oito empreendedores, também denominados “nómadas digitais”, encontraram em Esposende as condições perfeitas para conjugar a vertente lúdica e a permanente conexão com atividade profissional. Consequência da evolução do mundo do trabalho e da tecnologia, surgiu esta nova noção de trabalho remoto que não obriga a permanecer num espaço físico circunscrito, mas que implica o constante contacto com o trabalho.

A START Esposende tem registado uma crescente procura, por parte de empreendedores e profissionais que mesmo em períodos de férias não podem negligenciar o permanente contacto com a atividade profissional que desenvolvem.

Acompanhando essa evolução e antecipando mesmo as necessidades dos empreendedores de Esposende e dos visitantes, o Município de Esposende avançou com a abertura da START Esposende, onde é disponibilizado o acesso a salas de cowork, gabinetes individuais, sala de reuniões equipada com sistema de videoconferência, sala polivalente, serviços administrativos de apoio entre outros equipamentos de apoio à atividade empresarial.

Localizada em pleno centro da cidade num edifício com valências modernas, a START Esposende faculta, ainda, aos coworkers, o acesso ao apoio prestado pela equipa de gestão e passam a fazer parte de uma rede de empreendedores e empresários que ali alavancam as suas ideias de negócios e as suas empresas.

Atualmente, a START Esposende, para além dos “nómadas digitais”, incuba 16 projetos de variados setores e em diferentes fases de desenvolvimento. A maior parte dos empreendedores é de Esposende (68,4%), mas este espaço está a atrair investimento de concelhos vizinhos, como Barcelos (21,1%), Viana do Castelo (5,3%) ou Ponte de Lima (5,3%).

A grande parte dos projetos insere-se na fileira das tecnologias, e-comerce e marketing digital (43,75%), seguindo-se o trading, aquacultura, construção e investimentos imobiliários (31,25%) e o comércio por grosso (25%).

A localização geográfica de Esposende, próxima de grandes centros urbanos, permite desfrutar do seu dinamismo, mas sem perder a identidade enquanto Município de média dimensão com elevada qualidade de vida.

Comentários Facebook

Comentários

 

Artigos relacionados